Orçamento Aqui!

Televendas: (62) 4006.8888

M&T Expo 2018: Confira as novidades que prometem valorizar o expositor e visitantes

Por brunosousa em 17 dezembro, 2017

As novidades da edição de 2018 da M&T Expo (Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração) foram apresentadas recentemente em um evento promovido pela Messe Muenchen do Brasil. O encontro contou com a participação de um público qualificado formado por empresários, engenheiros e profissionais do segmento.

“Hoje a bauma já está em todos os países que compõem os BRICs. E essa expansão foi resultado de um estudo completo sobre os mercados emergentes. Por isso, temos ainda mais conhecimento, atualmente, para fornecer um apoio a todos os expositores da M&T Expo 2018”, disse Monica Araújo, diretora geral da Messe Muenchen do Brasil, que ressaltou a importância do Brasil na estratégia de internacionalização da companhia.

Por ano, são mais de 30 mil expositores conectados nos eventos da Messe, com a participação de cerca de dois milhões de visitantes. “Viemos para o Brasil neste momento porque ele é o ideal para trabalhar e contribuir com o desenvolvimento da infraestrutura e para auxiliá-los em seus negócios no país, na América Latina e no mundo”, destacou Monica, que anunciou que o Manual de Merchandising já está disponível no site oficial: www.mtexpo.com.br.

Afonso Mamede, presidente da Sobratema (Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração), entidade idealizadora da M&T Expo, contou a história da feira, analisou o mercado no próximo ano e enfatizou que esse é o momento ideal para estar na feira.

“Em 2018, a expectativa é a vinda de investidores para participar das concessões e das PPPs, o que indica a recuperação da economia. Com os desafios atuais do cenário econômico e do segmento, a avaliação é de que o mercado vai ser diferente, com novos entrantes, empresas antigas se reestruturando e companhias internacionais se associando aos nacionais para avançar. Todas elas estarão em busca de novas tecnologias e novos processos para aumentar produtividade, melhorar rentabilidade e diminuir custos. Quem enxergar essa mudança vai sair na frente. Por isso, a M&T Expo será muito importante, porque ocorrerá no momento da retomada, assim o expositor irá mostrar o que ele tem de melhor para atender, justamente, esse panorama”.

 

M&T Expo passa a integrar a rede global bauma

Em entrevista exclusiva para a EaeMáquinas, Hugo Ribas Branco, diretor de feiras da Messe Muenchen do Brasil, destaca as principais novidades na nova configuração da feira levando em consideração os quatro grandes segmentos: equipamentos para construção e mineração, equipamentos de elevação de carga e pessoas, equipamentos para a área do concreto e para o segmento de pavimentação e componentes e serviços.

EaeMáquinas – Comente, por favor, quais os diferencias e benefícios para o público?

Hugo Ribas Branco – A 10ª edição da M&T Expo terá muitas novidades para o público. A primeira é que o maior evento na América Latina na área de equipamentos para construção e mineração passa a integrar a rede bauma, o que contribuirá de maneira muito positiva para uma ampliação na participação de empresas de todo o mundo, uma vez que haverá uma maior conexão com mercados globais e, principalmente, com as mais importantes feiras mundiais do segmento. Atualmente, a rede bauma envolve as feiras de negócios: bauma, em Munique (com 605.000 metros quadrados, a maior feira industrial do mundo), bauma CHINA, bauma CONEXPO INDIA, bauma CONEXPO AFRICA e bauma CTT RUSSIA.

Outra inovação é a nova configuração da M&T Expo 2018, que inclui um novo desenho da planta, com os expositores organizados em quatro grandes setores: equipamentos para construção e mineração, equipamentos de elevação de carga e pessoas, equipamentos para a área do concreto e para o segmento de pavimentação e componentes e serviços. Essa iniciativa promoverá uma melhor experiência para os empresários, engenheiros, profissionais e técnicos de construtoras, mineradoras e locadores de máquinas em sua visita ao evento, já que facilitará a organização de sua agenda de reuniões de negócios e a busca por novidades e inovações tecnológicas de acordo com seu interesse.

Os visitantes e expositores também estarão em um ambiente novo, reformado e ampliado, com mais conforto, segurança e comodidade, uma vez que o São Paulo Expo passou por uma modernização, o que incluiu a construção de modernos pavilhões e de um Centro de Convenções, totalizando uma área de 100 mil m². 

EaeMáquinas – É possível antecipar o que será destaque, os principais nichos e soluções?

Hugo Ribas Branco – A M&T Expo sempre foi palco para fornecer, também, informações qualificadas para o público participante. E, a realização de um evento de conteúdo está programado para esta edição. Quanto às novidades, elas serão divulgadas em 2018.

 

EaeMáquinas – Com 70% da planta ocupada, o senhor avalia que as empresas se sentem mais motivadas para buscarem oportunidades de negócio em eventos como a M&T Expo? 

Hugo Ribas Branco – Nesta edição, já temos confirmadas as empresas: Ammann, BMC-Hyundai, Bomag Marini, Case Construction Equipment, Caterpillar, Grupo Wirtgen, JCB, John Deere, Komatsu, Liebherr, New Holland Construction, Terex, Volvo Construction Equipment, entre outras. Estamos animados com o interesse das empresas em participar do evento, o que sinaliza, ainda, um cenário mais otimista e positivo na área de construção e no segmento de mineração.

Além disso, a M&T Expo será a única feira voltada para esses segmentos a ser realizada em 2018 no Brasil. O evento tem tido um papel preponderante no mercado nos últimos 20 anos ao debater o futuro do setor no país e ao demonstrar avançadas tecnologias e tendências inovadoras em máquinas. Em todas as suas edições, ela foi também um importante termômetro para usuários, fabricantes e fornecedores de equipamentos, e mais uma vez será realizada no melhor momento para o mercado, já que os índices econômicos são cada vez mais positivos.

Serviço 

A 10ª M&T Expo será promovida de 5 a 8 de junho, no São Paulo Expo. A primeira edição aconteceu em 1995. Já a edição de 2018 marca o início do acordo de cooperação de longo prazo firmado entre a entidade e a Messe München, promotora da bauma. Com isso, a feira passa a ser organizada e promovida pela Messe Muenchen do Brasil.

 

Fonte: Artigo extraído do site EaeMaquinas, publicado por Redação.